Poesia surrealista # et finitum – Maximillien Ernst

19 06 2008

DOIS MIL PELES VERMELHAS

Para eles

o tempo existe

em estado abolido

Dois mil peles-vermelhas se abaixam

na planície

felizes de sua ventura

preludiam as sublimidades de suas danças

Eles tragam os dias

tumultuam as noites

Dois mil peles-vermelhas e lúcidos

se preparam para fazer rir a chuva

suas terras enrugadas pelo desejo e pela fome

fazem bater seus tambores a sons plenos

Sons

plenos

Dois mil peles-vermelhas amorosos

se preparam para misturar seu sangue inquieto

ao leite sombrio de suas mulheres muito calmas

ao mel ridente de suas belas crianças

Crianças do século

onde estão vossos tridentes

Dois mil peles-vermelhas

pálidos mas sólidos

deixam as famílias para morrerem à parte

Dez mil peles-vermelhas

o sangue em fogo

sua vida ainda está lá

em busca de demônios

SETE MICRÓBIOS VISTOS ATRAVÉS DE UM TEMPERAMENTO (1953)

82001a_max_ernst

Max Ernst – Criador da “colagem” surrealista em 1919 com a qual impressionou Breton, foi expulso do movimento em 1954 por aceitar o Grande Prêmio de Pintura da Bienal de Veneza.

Fonte: Os arcanos da poesia surrealista – Seleção de José Pierre e Jean Schuster com tradução de Antônio Houaiss. Editora Brasiliense.

Anúncios

Ações

Information

4 responses

1 07 2008
Daniela

Muito boa a poesia.

Não conheço muito do Max Ernst, mas acho que o trabalho dele é interessantíssimo.

Dá até vergonha de dizer que não conheço muito, mas também não vou mentir para passar por inteligente bacana.

6 07 2008
Adriano

Curti muito a poesia!!!
Mas assim,costumo ter que ler e reler (ou ver e rever) as obras surrealistas algumas vezes (senão inumeras vezes), antes de confortar meu ego, achando que intendi (ou captei…rs) algo ali manifesto, devido a complexidade e liberdade que encontramos nestas obras…porém aqui foi mais tranquilo… porém arte não é compreensão apenas racional, o que me conforta…rs

8 07 2008
Daniela

Olá. Estou com saudade das atualizações!!!!

9 07 2008
Fassicolo

Também estava!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: