Chaiquispier anarquista

20 04 2008

Que o casamento de duas almas não seja posto a prova pelo mar bravo de nossos tempos. Porque o amor de hoje é tão rápido quanto àquela estrela-guia que sumiu sem mais nem menos, sem deixar vestígios pros que ainda pensam ser amantes eternos… Porque se me achas um mentiroso por escrever o que escrevo, nenhum homem jamais tomou um pé na bunda ou eu sequer me apaixonei de novo!

Até que as estreals caiam do céu, pra mim e pra ti. Até que a música acabe. Até que os bebês de leite sejam enterrados na areia.

Me ame duas vezes. Me ame até até que os 7 cavalos do sonho azul passem pela janela. Me ame mil vezes, como nunca tenha feito.

Os ventos de inverno esfriam o país inteiro. Os ventos de inverno… mas você deve ser tão quente, vinda do sul como a tempestade do século.

E diga a todos que encontrarem, diga a todo mundo! Deixe-os livres, diga a eles para correrem, diga a todos! Me pegue pela mão, vamos enterrar nossos problemas na praia.


Ações

Information

One response

3 03 2011
Paulo Ranye

Apesar e viver um amor ou varios amores, desde que seje real e duradouro, casar se separar, ter alguem, ser cumplici….
Não podemos deixar ao acaso, ao menos entarar nossos problemas e fugir di tudo seria otimo.
Será q podemos ser felizes, amar alguem por igual ?
O amor não e um sonho de consumo mais todos nos precisamos de um pouco pra viver.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: