Pará

27 10 2007

“Um bom escritor não possui somente seu próprio espírito, mas também o espírito de seus amigos”

Friedrich Nietzsche

Àquele com que só se pode comparar seu companheirismo ao tamanho do estado-título desta postagem. Você não é como uma tarde de sol em frente a TV, tu não és a glória de Esparta frente ao exército Persa, tu não se compara a imagem de um catecismo pagão, tu sequer se assemelha à Maníquel, então porque? Porque tu és humano, arauto de uma classe cuja dinâmica parece-se com o caminhar dos elétrons… Dante de uma praia só, muda de um navio assombrado, rapaz, tu num veio ao planeta Terra pra deixar barato, apesar do salário! Lutaste com a vaca da Constituição em campos paulistanos, ferveste os códigos em brasa morta, caminhaste firme frente às aulas moribundas! De garçom à médico, de fazendeiro a defensor… Pancada eterna na mente daqueles que te vêem, sonhas ter mais ter mais que um pobre rei de uma pobre terra pobre, mas não só vê que já tem e, muito mais, naquilo que conquistaste sem o poder!


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: